Bem-vindo a uma série de boletins e webinars que apresentaremos durante este ano!

Como parte da filosofia do acelerador de A&D, aprenderemos fazendo e, como você deve saber, diferentes experimentos estão sendo conduzidos na América Latina! Enquanto isso, queremos ajudá-lo a lembrar alguns conceitos sobre o Advanced Analytics e como isso pode ser aplicado em nossa realidade.

A série de boletins é baseada em Business Intelligence (Inteligencia Corporativa), Advanced Analytics (Analitica Avancada), Artificial Intelligence (Inteligencia Artificial) e Data Science. Falaremos sobre como a Analitica está mudando o cenário de alguns setores e compartilhar casos de uso interessantes em todo o mundo.

BI, AA, DS ou AI - Se lembra?

Vamos conhecê-los melhor.

A necessidade
O ambiente de negócios está mudando e está se tornando cada vez mais complexo. As organizações, tanto privadas quanto públicas, estão sob pressão que as forçou a responder rapidamente às mudanças nas condições e a serem inovadoras na maneira como administram.

Tais atividades exigem que as organizações sejam ágeis e tomem decisões estratégicas, táticas e operacionais frequentes e mais rápidas, com mais e mais dados disponíveis para informá-las.

Tomar essas decisões pode exigir quantidades consideráveis de dados, informações e conhecimentos relevantes. A parte principal desta decisão é a importância de ter os dados corretos no contexto correto para que as decisões sejam informadas e precisas.

Para dar uma rápida olhada em como a analítica está mudando o mundo - você sabia que as equipes de vendas podem otimizar o impacto de investimentos promocionais em vários canais analisando as taxas de resposta de campanhas anteriores. Eles podem se concentrar no profissional de saúde certo, segmentando-os no canal certo, na hora certa.

O conceito
Business intelligence (BI) é um termo abrangente que combina arquiteturas, ferramentas, bancos de dados, ferramentas analíticas, aplicativos e metodologias. O principal objetivo do BI é permitir o acesso interativo (às vezes em tempo real) aos dados, permitir a manipulação de dados e dar aos gerentes e analistas a capacidade de realizar uma análise adequada.

Nos próximos artigos, aprofundaremos os diferentes conceitos relacionados ao Business Intelligence e ao Analytics.

Do descritivo ao prescritivo

no cenário analítico.

Aprofundando-se nas particularidades sobre a analítica e termos mais específicos, vamos explorar os conceitos do Google Analytics. Ele foi usado como um avanço da disciplina de BI, com definição mais ampla e precisa como a combinação de:

  • Tecnologia computadorizada
  • Tecnologia aplicada aos negócios
  • Estatísticas

Isso vai mais além do que ler e entender o passado, mas também identificar maneiras de apoiar as decisões de negócios com base na análise preditiva.

Para ser mais específico, sabendo qual subconceito de analítica resolve cada tipo de caso de uso, abaixo você encontra uma visão clara das três grandes categorias de analítica de negócios.

Com esse cenário do Business Analytics, podemos definir amplamente que tipo de projeto precisamos e o que esperamos dele.

Você conhece melhor os termos gerais de Business Intelligence e Business Analytics? Forneceremos mais informações sobre os próximos artigos. O próximo - quando é que a Inteligência Artificial entra em cena?

O que é inteligência artificial?

Em uma definição simples, a Inteligência Artificial é um robô de alta inteligência que pode "pensar" por si mesmo. Todos nós já ouvimos falar de pelo menos um filme de robô, onde eles são programados para pensar e se comportar como seres humanos.

Bem, essa é uma forma de inteligência artificial. É feito para tentar imitar o que os humanos fariam, pensariam ou diriam, e é tudo por si só.

A inteligência artificial é alimentada por grandes quantidades de dados a serem analisados. Isso ajuda as empresas a saberem muitas coisas sobre seus clientes, a demanda e a cadeia de suprimentos e muito mais.

Como um exemplo de como isso pode ser usado em nosso mercado farmacêutico, imagine se pudéssemos ter um robô programado para responder a consultas médicas simples e comuns e responder rapidamente a seus pedidos com base na inteligência gerada anteriormente pelo banco de dados de nossos call centers.

Os robôs podem aprender muito rapidamente e formar esses "pensamentos" com base em interações históricas. Este é um exemplo muito aplicável à vida real, onde podemos trazer agilidade às perguntas dos médicos e melhorar sua percepção sobre a capacidade de resposta de nossos call centers.

Portanto, agora é mais tangível como essa disciplina pode funcionar e ser útil para nossos clientes e empresas todos os dias.

Queremos compartilhar com você um webinar em que possamos aprofundar esses tópicos.

Webinar: "BI, AA, DS ou AI - Se lembra?

REGISTRE-SE AGORA